SENTIMENTOS

Conto de henriqueborges como (Seguir)

Parte da série New Things

Mais um dia que começa e com ele mais um dia de escola, porém hoje tô sentido que irei bater de frente com o Pedro, como eu vou reagir eu não sei, o que eu devo disser a ele? Será que devo dizer - oi pedro, eu também gosto de você, mas no meu caso é desde a oitava série, porém guardei esse sentimento pra mim, durante esses anos, pra evitar mais magoas e decepções. Ou devo ignora-lo, fingir que aquelas palavras não fizeram efeitos nem em meu coração. - não posso mentir pra mim mesmo. Mesmo sabendo, que se eu me entregar, irei me machucar e decepcionar.

Nunca contei pra ninguém, sobre meus sentimentos por Pedro, nem mesmo para Victor e Helena. Criei uma armadura, onde escondo meus sentimentos, nunca demonstrei que gostava dele, pelo contrário, sempre demonstrei desprezo e raiva, até porque com o passar dos anos, eu não podia gostar de alguém que só me machucava.

A verdade é, que eu sempre gostei do Pedro, mas ele nunca me deu brecha. Nunca entendi e não entendo até hoje, o porque gostar logo dele, tendo vários caras legais, que já gostaram de mim e mesmo assim, eu não dei a devia atenção, preferia ficar sofrendo por um babaca, que nem ligava pra, que só tirava à minha paz.

Agora, vem ele com essa história que gosta de mim, com isso, algo dentro de minha acendeu, algo que tinha adormecido faz pouco tempo, eu não quero sofrer de novo, pelo mesmo babaca, que me perturbou anos.

Talvez, minha única saída é ignora-lo, mesmo sabendo que tenho essa nova chama em mim, não posso me apegar a ele e depois descobrir que tudo era apenas uma brincadeira pra ele, que seus sentimentos por mim eram falsos, outro conflito interno começa dentro de mim, meu coração bate forte quando ouvi seu nome, mas minha cabeça, fala pra mim seguir a parti lógica dessa história, onde eu já sofri muito e não preciso passar por isso novamente.

Me arrumei e fui pra escola, chegando lá vi Pedro, que me olhou e ;deu um sorriso convidativo, me coração acelerou. Eu quis correr e abraça-lo e assim eu fiz, corri em sua direção e o abracei. Nem quis saber dos alunos que estavam ali no pátio, não me importei com o que as pessoas ião pensar, a única coisa que importava era abraçar o cara que eu amei e que eu estou amando novamente, mesmo sabendo dos riscos, sabendo que eu podia me machucar, mas nada disso me amedrontava, só de estar em contato com seu corpo, qualquer ameça sumiu ou qualquer preocupação.

Parei de abraçar ele e então falei:

- Precisamos conversar, tenho muitas coisas para te falar!

- Tem?

- Sim, e se eu não falar agora, eu vou perder a coragem.

- Então, vamos para um lugar mais calmo, onde não tenha tantas pessoas nos olhando!

- ok! ( falei olhando todas aquelas pessoas nos olhando )

Fomos para os fundos da escola, onde ninguém ia, chegando lá falei:

- Quero que você preste bastante atenção no que eu vou te dizer e só fale depois que te dizer tudo!

- Tá bom!

- Bom, eu não sei como começar a falar, ok bem, eu sou apaixonado por você desda oitava série, sempre te amei, mas com toda a bagunça que você fez na minha vida, eu comecei a matar isso dentro de mim, eu pelo menos tentei, mas quando você falou que gostava de mim, algo acendeu aqui dentro e eu não posso mentir pra mim mesmo, e dizer que eu não sinto mais nada por ti!

- Nossa, eu nunca imaginei que você gostava de mim, nunca vi nenhum sinal. Porque você nunca falou que gostava de mim? talvez tudo podia ser diferente!

- Como eu ia chegar pra uma pessoa que sempre me perturbou e me humilhou, dizendo que eu gostava dela, seria mais uma coisa pra você ficar me humilhando.

- Eu sei que eu fui um babaca, trouxe, sem noção,covarde de ter feito essas coisas, com você e eu nunca vou me perdoar por te fazer mal!

- Agora, já passou, com o tempo as cicatrizes vão se fechando e o passando sendo esquecido.

- Espero que você esteja certo!

- Eu também!

- Luke?

- Fala!

- Você quer namorar comigo?

- O que? ( fiquei sem reação e agora o que eu falo aceitou ou não)... #EMBREVEMAIS

------------------------------------------------------------------------------------------

( PROMETO QUE OS PRÓXIMOS CAPÍTULOS SERÃO MAIS LONGOS. )

Comentários

Há 0 comentários.