capitulo 29 _ A luta

Conto de fofaum como (Seguir)

Parte da série Floresta das Trevas

Oii meus amores queria começar pedindo perdão mais uma vez pela demora dos capítulos mas foi por um motivo muito bom, ARRUMEIII EMPREGOOO. estou muito feliz e não posso reclamar de nada mas devido as correrias eu tive que da um tempo com a serie, mas eu voltei animado para continua-la nem que eu poste somente um capitulo por semana. Tenho folga somente uma vez na semana então eu irei escrever na minha folga então com certeza eu postarei capítulos toda segunda feira e se de eu postarei nas quintas também mas o certo e toda segunda, mas bora la ler a nossa serie preferida hahaha, um beijaoooo e mais uma vez mil perdoes.

Capitulo 29

Coloco minha mão dentro do bolso e retiro o colar e morgana diz

Morgana: não acredito _fala sorrindo

Eu: era esse ? _falo mostrando ela em minhas mãos

Morgana: esse mesmo, quanto tempo eu esperei por isso. _fala sorrindo.

Eu: e agora o que fara ?

Morgana: o que sempre esperei pra fazer

Eu: eo que sempre esperou pra fazer ?

Morgana: destruirei todos, agora a morte reinara . Jorge jamais poderá saber disso ouviu ?

Eu: sim ouvi.

Morgana: agora so precisamos fazer a porção.

Eu: que porção ?

Morgana: com a porção não precisamos de colocar a mão no Garoto, assim que eu jogar o colar na porção o garoto atravessara os portais e morrera.

Eu: perfeito assim eu terei o Klaus so pra mim.

Morgana: ele será seu. Agora vamos precisamos esconder isso.

NARRADO POR KLAUS

Elisa: Felipe temos que saber. Você esta disposto a isso ?

Felipe se levanta vai ate onde minha mãe estava chega perto dela e diz.

Felipe: sim, eu estou disposto.

Elisa: que bom _fala sorrindo aliviada

Clara: Felipe não se preocupe você vencera. Você e capaz

Felipe: obrigado

Elisa: estamos com você Felipe

Eu: eu sei obrigado so que eu tenho medo de não conseguir.

Me levanto e vou ate Felipe e digo

Eu: nos iremos conseguir, confie em mim. _falo pegando em sua mão.

Elisa: vamos descansar amanha temos que ir cedo.

Nos deitamos cada um em um canto e dormimos.

NARRADO POR ELISA

Acordo e vejo pela fresta que o dia já tinha amanhecido, me levanto e vejo Anthony já acordado.

Eu: já acordado ?

Anthony: sim eu não consigo dormir muito. Vocês já vão ?

Eu: sim, precisamos ir.

Anthony: vamos levar vocês, pode ser perigoso.

Eu: obrigada. Mas não se preocupe. Não queremos incomodar mas do que já incomodamos

Anthony: não e incomodo _falo segurando na minha mão

Eu: obrigada pela ajuda _falo sem graça e tirando a mão.

Anthony: desculpa _fala me soltando

Eu fico sem graça e saio e vou acordar os garotos, depois que todos estavam acordados nos ajeitamos e partimos.

NARRADO POR MORGANA

Agora que tenho o colar na minha mão ninguém mais poderá me deter.

Vou ate a livraria e escondo o colar entre os milhares de livros que tinham ali. Pedro estava me esperando na porta e saímos dali e voltamos para o jardim. Vou ate um dos guardas e digo.

Eu: vá ate o esconderijo onde Elisa esta e tragam todos aqui.

Guarda1: mas não sabemos onde e.

Pedro: eu te explicarei como chegar la, com certeza se Felipe tive conseguido escapar daqueles bichos eles já estão no acampamento.

Guarda2: como fazemos para chegar la ?

Pedro: vocês pegam a estrada, chegando perto de uma arvore onde esta toda florida vocês entram na floresta para o lado esquerdo, vocês vão reto ate chegar em um barranco, chegando vocês descem por uma trilha ate chegar na cachoeira, chegando na cachoeira vocês descem que darão la.

Guarda1: já estamos indo

Morgana: tragam todos vivos.

Guarda2: sim senhora.

Os guardas chamam outros guardas pegam suas espadas e arcos montam em seus cavalos e vão em busca deles.

NARRADO POR ANTHONY

Estamos indo levar eles embora e a todo momento não conseguia desviar meus olhos de Elisa, sempre fui louco por ela mas nunca tive a oportunidade de ter ela para mim. E agora que ela esta sozinha poderia ser a oportunidade perfeita para a conquistar.

Estamos indo pela mata caminhando quando Elisa pisa em um espinho

Elisa: ai _fala olhando para o pé

Klaus: o que foi ?

Elisa: e so um espinho. _fala tirando ele do seu pé

Elisa começa a andar mas devagar quando eu fico para trás para poder conversar com ela. Quando eu e ela estava alguns metros de distancia deles eu resolvo puxar papo com ela

Eu: tudo bem com o pé ?

Elisa: sim, so foi um espinho.

Eu: qualquer coisa me avise, eu tenho forças para te carregar.

Elisa: obrigado. Mas não precisa.

Eu: lembra quando nos erramos adolescentes ? eu era louco por você _falo sorrindo

Elisa: lembro, você uma vez ate me deu um anel de cipó rs _falo dando um sorriso com as lembranças em minha memoria.

Eu: nunca consegui te tira da cabeça. _falo parando e olhando para ela.

Elisa para e também me olha.

Elisa: eu nunca quis te magoar.

Eu: eu sei, mas eu teria uma chance agora ?

Elisa: não sei Anthony acho que ainda esta muito cedo _fala voltando a caminhar

Eu: Elisa nunca e cedo para voltar a amar.

Elisa: eu sei mas eu tenho medo de me machucar de novo

Eu: me de uma chance para te fazer feliz ?

Elisa: meus filhos talvez não aceitariam

Eu: pessoal parem ai _falo alto

Todos param olham para trás e Elisa fica sem graça, eu me ajoelho no chão na frente de Elisa e digo.

Eu: me de uma chance pra te fazer feliz. Me de uma chance pra dizer o que sinto, Deixa eu te mostrar que posso te fazer feliz. Quero poder amar, te dar carinho e Poder te dizer. Quer namorar comigo? Se disser que sim, prometo Fazer-te a mulher mais feliz do mundo.

Elisa: casar ?

Eu: sim, casar ! Klaus e Kaleb vocês me permitem ?

Klaus: por mim tudo bem, eu so quero que minha mãe seja feliz.

Kaleb: eu e... eu não sei o que dizer mas eu também quero que ela seja feliz, se ea vontade de minha mãe eu apoio.

Eu: então Elisa você aceita ?

Elisa: aceito _fala com os olhos com lagrimas e sorrindo

Eu me levanto sorrindo ea abraço dando nela um beijo no rosto.

Maria: felicidades, faça meu irmão muito feliz. _fala a abraçando

Elisa: claro.

Maria: agora vamos estamos quase chegando.

NARRADO POR GUARDA 1

Morgana mandou nos irmos em busca de todos da família do rei, então nos fomos. Chamei vários guardas e armas e fomos em busca deles, seguimos o caminho como Pedro disse e chegamos ate o barranco deixamos nossos cavalos ali e continuamos a pé e chegamos no tal acampamento.

Eu: mas não tem ninguém aqui

Guarda 2: será que o garoto mentiu ?

Eu: não sei, mas se tiver mentido ele vai sofrer as consequências.

Quando estávamos conversando ouço alguém conversando de longe na floresta e digo.

Eu: alguém esta vindo, se esconda.

Guarda2: quando vamos atacar ?

Eu: quando eu fazer o sinal pra vocês.

Todos esconderam atrás de arvores e ficamos esperando. Quando estávamos atrás das arvores esperando vimos todos eles chegando. Não era so a família do rei também tinham outros com eles.

Guarda2: quando vamos atacar ?

Eu: agora

Dei o sinal e todos saíram de trás das arvores que estavam com espadas e alguns arcos apontados para eles. Eles se assustam pois não estavam esperando e diz

Klaus: o que fazem aqui ?

Eu: viemos buscar vocês

Klaus: pra que ?

Eu: digamos que para morrer.

Quando falei isso klaus pega sua espada e vem ao meu lado para tentar nos atacar então uma luta começa.

Comentários

Há 2 comentários.

Por Rogean21 em 2017-11-17 09:56:21
Oi migo tava com uma super saudade de vc 😍, a série tá ótima como sempre adorando ❤️ eu perdi seu número meu antigo celular parou de pegar 😭😭daí se vc ainda tive o meu me manda um oi no zap 😉 bjs 😘😘😘e estou super feliz por vc tá trabalhando 🎉 .
Por Mett em 2017-11-04 17:32:22
Tipo muito foda...esperando o prox